Conteudo alternativo caso a pessoa nao tenha flash

Dicas de Saúde


Hipertensão


A hipertensão arterial é uma doença que ataca silenciosamente, provocando a ocorrência de doenças cardiovasculares, cerebrais, renais e oculares. Por ser uma doença que pode passar muito tempo despercebida, é fundamental que você saiba como ela pode ser evitada e detectada.


Dados importantes:

  • O Ministério da Saúde estima que aproximadamente 30 milhões de pessoas sofram de hipertensão arterial no Brasil;
  • Segundo estudos internacionais, existem comunidades em que até 50% das pessoas hipertensas não têm consciência de que estão doentes.


O que é hipertensão arterial?
É uma doença crônica em que os vasos sangüíneos, mais contraídos do que o normal, oferecem mais resistência à circulação do sangue. Isso faz com que ocorra um aumento da pressão do sangue nos vasos.


Quais os sintomas da hipertensão arterial?
Na maioria das vezes, nos estágios iniciais, a hipertensão não provoca sintomas, embora já possam existir lesões em alguns órgãos do corpo. Mesmo que apareçam sintomas, como dor de cabeça, sangramentos nasais, enjôos e cansaço, eles não são determinantes porque também estão relacionados a outras doenças.


Fatores predisponentes para a hipertensão arterial:

  • Hereditariedade;
  • Sedentarismo;
  • Obesidade;
  • Idade avançada;
  • Fumo;
  • Diabetes;
  • Uso abusivo de álcool;
  • Estresse;
  • Consumo excessivo de sal e de gordura.


Hipertensão tem cura?
Não, mas tem tratamento. E, quando controlada, diminui muito o risco de suas complicações.


Como é o tratamento?
O tratamento da hipertensão exige uma mudança de hábitos:

  • diminuir o sal e a gordura da alimentação;
  • exercitar-se regularmente, sob orientação médica;
  • parar de fumar;
  • usar bebidas alcoólicas com moderação;
  • manter o peso dentro do ideal;
  • evitar o estresse;
  • usar corretamente a medicação prescrita por seu médico, sem interromper o tratamento.


Existem medicamentos para a hipertensão?
Existem hoje vários medicamentos que controlam a hipertensão arterial, com efeitos colaterais mínimos.